quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Social commerce: engajando as mídias sociais com o E-commerce.

As mídias sociais são poderosos canais midiáticos contemporâneos. O valor da mídia social vem das pessoas e do fruto dos seus relacionamentos — e do envolvimento entre os dois.
A troca de “moedas sociais” contribui para o capital social de cada um dentro de cada rede . Por meio de conversas, do que nós compartilhamos e do conteúdo que criamos, consumimos, e fazemos uma curadoria, nós investimos no comércio da informação e das relações que naturalmente se desdobram. 
Dentro deste contexto, O Social Commerce — ou Comércio Social — é uma estratégia de marketing importante para comerciantes de e-commerce potencializar suas mídias sociais como um canal de vendas e relacionamento. Seu principal objetivo é criar uma experiência significativa com os e-consumidores de lojas virtuais e permitir que eles compartilhem suas compras online nas suas redes sociais com intuito de socializá-las com suas conexões. E para que essas ações sejam alcançadas é preciso adicionar na loja virtual as funções que permitem aos usuários comentarem e avaliarem as páginas com informações sobre a mercadoria. Além disso, com a inclusão dos botões como o “Like” e “share’’- do Facebook — outros usuários saberão o número de recomendações de tais produtos, servindo como uma avaliação para estimular novos compradores.
Portanto, implantar uma estratégia de Social Commerce é preciso ter uma boa visão de negócio eletrônico. Não pensar somente ‘no lucro final’, e sim na construção do relacionamento e experiência significativa com os clientes. O sucesso de um comércio eletrônico está atrelado diretamente ao cuidado e gerenciamento desta relação como parte integradora das estratégias da sua loja, que, quando bem administradas, aumentam a probabilidade dos produtos e serviços receberem avaliações positivas, influenciando novos clientes e fidelizando os atuais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário